Omer narra a saga dos estudantes palestinos que aguardam, os resultados de suas provas finais para a conclusão do ensino médio - conhecidos como tawhiji.

“Em Estado de Choque” – O jornalismo resiste na Faixa de Gaza

O jornalista palestino Mohammed Omer viveu in loco os massacres de Israel na chamada Operação Margem Protetora, que deixou mais de 2.200 palestinos mortos, incluindo 536 crianças. Omer transformou suas percepções em Gaza numa obra que transita entre o livro-reportagem e o diário de guerra, já publicada nos Estados Unidos e agora lançada em português pela editora Autonomia Literária

Foto: EBC

Gregório Duvivier, o pensador

Salem Nasser responde ao professor Michel Gherman sobre o polêmico texto de Gregório a respeito do conflito Israel e Palestina

esplanada-das-mesquitas-agencia-brasil

Duvivier passa a ser suspeito por pensar

Coordenador do Centro de Estudos Judaicos da UFRJ, Michel Gherman responde às críticas a Gregório Duvivier feitas por Salem Nasser

Imagem: FEMCAI

A Palestina não é aqui, nem fica em Israel

Mais do que mera cegueira, Duvivier se permitiu um apagamento da própria inteligência. Não tendo tido a sabedoria de calar sobre o que não conhecia, fez pior, colocou sua voz a serviço de uma injustiça

A ocupação convida a violência. Foto: EBC

Ainda a Palestina

As tragédias que duram demais tendem mesmo a ficar como que submersas

Não há nada mais que se possa contar e que venha soar como um estrondo na dormência da nossa alma. Foto: Ingimage

Silêncio

Os meninos afogados desaguando na praia são tantos que, ainda que contados, já não contam mais. Já não doem mais

O embaixador Celso Amorim. Foto: José Cruz/Agência Brasil

“Quiseram criar um fato consumado”

Conhecido pelo diálogo intenso com o Oriente Médio quando era o ministro das Relações Exteriores, Celso Amorim acredita que a indicação do novo embaixador de Israel no Brasil faz parte de uma estratégia para consolidar os assentamentos israelenses em territórios palestinos

Foto: Reprodução/UNRWA (2015)

Na terra do Natal

Nos últimos tempos, um fenômeno apenas parece nos convidar a olhar de novo para a Palestina e ficar de novo perplexo

Foto: Reprodução/http://abcnews.go.com/

Belém não fica em Israel, nem Jerusalém

O telespectador é levado a se perguntar por que será que esses palestinos, esses estrangeiros à terra de Israel, estão atirando pedras contra as “forças de defesa israelenses”!