Manter redes sociais dinâmicas  é uma característica associada à longevidade, apontou estudo. Foto: free images Pixabay

As redes sociais podem interferir na longevidade?

Pessoas mais ativas em rede online são que apresentam vida mais longa, apontam pesquisadores da Universidade da Califórnia em San Diego (EUA). Os cientistas acessaram dados de 12 milhões de usuários.

Foto: EBC

Um ano depois, Zika ainda é um desconhecido

Encontro no Rio fez um balanço de uma das maiores tragédias de saúde pública no Brasil. A ciência avançou muito, mas respostas estão levando para ainda mais perguntas por enquanto…