Fontes militares das três Forças Armadas destacam que a crise vivida pelo governo com a divulgação das denúncias do empresário Joesley Batista está sendo tratada dentro das leis

Foto: Divulgação

Foto: Divulgação

A saída, ou não, do governo do presidente Michel Temer é um tema encarado com naturalidade pelas Forças Armadas. Fontes militares das três Forças, ouvidas informalmente por Brasileiros durante esta quinta-feira (18), destacam que a crise vivida pelo governo Temer com a divulgação das denúncias do empresário Joesley Batista está sendo tratada dentro das leis do país.

Na verdade, a declaração do Comandante do Exército, General Eduardo Villas Bôas, feita no dia 19 de abril em solenidade oficial, de que Não há atalhos fora da Constituinte, foi considerada como um balizamento do pensamento militar. Ainda que à princípio negada, a possibilidade da saída do governo do Ministro da Defesa, Raul Jungmann, filiado ao PPS e que seguiria o partido no desembarque do governo Temer, ainda está sendo vista dentro das hipóteses.

Link curto: http://brasileiros.com.br/SEHlg
Tags: ,