Livro é lançado em paralelo à exposição homônima no Museu da Imigração

Após dois anos revirando os arquivos do Museu da Imigração de Ellis Island, principal símbolo da imigração nos Estados Unidos, na Universidade de Harvard e do acervo do Museu da Imigração do Estado de São Paulo, João Kulcsár lança a obra Retratos Imigrantes, espelho da influência dos imigrantes na construção dos países americanos, principalmente os Estados Unidos e o Brasil.

A obra é lançada em paralelo com a exposição homônima, que está sendo exibida em São Paulo e em Nova York, e ressalta,  através de uma série de fotos expressivas e emocionantes, o tamanho da importância destas pessoas que abandonaram sua terra natal e ajudaram a construir nações amparadas no multiculturalismo e na diversidade. Tanto o Brasil quanto os Estados Unidos acolheram populações e consolidaram suas identidades através destas miscigenações.

Boa parte das imagens de Retratos Imigrantes é da coleção de Augustus F. Sherman, funcionário administrativo da antiga hospedaria de Nova York que fotografou por duas décadas os imigrantes que chegavam aos Estados Unidos. Sherman foi o precursor neste tipo de registro e, mesmo no amadorismo, suas fotos transmitem todos os sentimentos e agonias que as pessoas carregavam.

A observação e a apreciação das imagens remete o leitor diretamente para a história destes fotografados, imigrantes que deixaram praticamente tudo para trás a fim de reconstruir suas vidas de forma plena e pacífica. 

Serviço – Exposição Retratos Imigrantes
Museu da Imigração
Rua Visconde de Parnaíba, 1316 – Mooca, São Paulo – SP
(11) 2692-1866
De 28 de março a 6 de setembro

Relatos Imigrantes
Autor: João Kulcsár
Editora: SESI-SP Editora
Páginas: 184
Preço: R$ 80,00

Link curto: http://brasileiros.com.br/IU3y0
Tags: , , ,