Nakoula Basseley Nakoula, de 55 anos, foi localizado após o rastreamento de uma ligação de celular

Cena do filme “Innocence of Muslims”

Nakoula Basseley Nakoula. Esse é o nome do diretor e produtor do filme “Innocence of Muslims” (em português, “A Inocência dos Muçulmanos”), obra que provocou a revolta da comunidade islâmica nos últimos dias e que causou protestos e revoltas em países como Egito, Iêmen e Líbia. No mais grave deles, um ataque matou o embaixador norte-americano na Líbia, Christopher Stevens, e três outros diplomatas americanos. As informações são do portal Terra.

A identidade do americano de 55 anos foi descoberta pelas autoridades federais dos EUA. Anteriormente, acreditava-se que o responsável pelo filme fosse Sam Bacile, um corretor imobiliário israelense que vive na Califórnia, mas a agência de notícias AP descobriu que o nome era na verdade um pseudônimo. As autoridades chegaram até Nakoula, que vive em Los Angeles, após rastrearem a ligação de uma entrevista dada por Bacile.

Encontrado pela AP, Nakoula negou ser o autor do filme, mas afirmou que fez parte da equipe de logística de uma empresa responsável pela produção do filme. O homem se identificou como cristão copta – religião originada no Egito – e disse que tanto o diretor quanto sua religião tem preocupação com o tratamento recebido por eles pelos muçulmanos.

Leia Mais
Manifestantes invadem embaixada dos EUA no Iêmen

Link curto: http://brasileiros.com.br/aO9Of
Tags: , , , ,
  • http://www.ig.com.br FCO OTAVIO M COSTA

    A GUERRA POR ESPAÇO ENTRE CRENÇAS É COMO RETROCEDER AO TEMPO DE CRISTO. O INÍCIO DA NOSSA ERA. SERÁ QUE NÃO EVOLUÍMOS O SUFICIENTE PARA SABER QUE NOSSA IGREJA É NOSSO CORPO, E A CONSCIENCIA NOSSA RELIGIÃO. DEUS NOS FEZ A SUA IMAGEM. PORÉM NOS ENVIOU A ESTA DIMENSÃO PARA NOSSO APERFEIÇOAMENTO.